News

Características do open banking para oferecer empréstimos online

Uma das aplicações que podem aproveitar o open banking que mais têm crescido e são mais procuradas pelo consumidor final são os empréstimos online. E é precisamente sobre isso que vamos falar neste artigo.

Sumário

El desenvolvimento informático tem-se consolidado como uma fonte inigualável de progresso e, entre outros avanços, facilitou a incorporação de serviços externos no setor bancário e financeiro graças à evolução do open banking. Desde a sua criação até hoje, a oferta de serviços que aproveitam esta tecnologia e o acesso a eles só tem crescido.

Evolução da banca digital e dos serviços oferecidos

Este modelo assume sua forma atual por volta de 2010. Os primeiros serviços bancários desse tipo são oferecidos ao consumidor na Europa nos anos seguintes e, finalmente, em 2015, é aprovada a Diretiva de Serviços de Pagamento (A PSD2) da União Europeia.

Esta diretiva regula o funcionamento das chamadas API —Interface de Programação de Aplicativos—, que são fundamentais para estabelecer os requisitos e protocolos de segurança necessários para que o setor se desenvolva em seu formato atual.

Atualmente, as instituições financeiras já são reguladas com o open banking, permitindo que o usuário seja o proprietário de seus dados financeiros e que ele possa decidir a quem concedê-los. Isso facilitou que terceiros, por exemplo, as fintech startups como nós mesmos, possam desenvolver aplicativos que explorem o valor dessa tecnologia aberta.

Pontos fortes dos empréstimos que usam tecnologia open banking

A tecnologia open banking oferece uma série de vantagens na gestão, processamento e execução das operações financeiras realizadas pelo usuário. Além disso, as aplicações do open banking simplificam o processamento das solicitações devido à disponibilidade de dados atualizados. Ou seja, graças à permissão concedida pelo usuário para acessar suas informações bancárias, o credor e o próprio usuário podem ter uma imagem muito real da situação financeira atual deste último e seu nível de risco.

Da mesma forma, ao reduzir o esforço na gestão das operações e aumentar a confiabilidade no cálculo do risco de inadimplência, o custo das operações é significativamente reduzido. Portanto, por parte do usuário, podem ser obtidas melhores condições de pagamento e quantias maiores. E por parte do credor, evitar falsos positivos ao calcular o risco por meio de formas mais tradicionais que podem ser falsificadas, como contracheque, declaração de imposto de renda, etc.

Desvantagens dos empréstimos digitais

Os empréstimos digitais que fazem uso do open banking podem ter algumas desvantagens. Em primeiro lugar, os utilizadores que não são nativos digitais ou que ainda têm reservas em partilhar as suas informações financeiras podem não aceder a este tipo de serviços. Embora a pandemia tenha forçado muitas pessoas a digitalizarem-se e a familiarizarem-se com os serviços financeiros online.

Outra desvantagem potencial dos empréstimos online com open banking para o utilizador é que podem levar à aprovação de empréstimos solicitados de forma impulsiva, uma vez que, assim que o utilizador concede acesso às suas transações bancárias, o prestamista pode avaliar a operação e aprová-la imediatamente. No entanto, para quem concede o empréstimo, isto representa uma grande vantagem ao reduzir o atrito associado ao tempo de aprovação.

Simuladores de aquisição de empréstimos digitais

Perante a vasta oferta de serviços financeiros e empréstimos digitais, existem ferramentas que simplificam a tarefa de busca e contratação desses serviços. Na verdade, os chamados simuladores de empréstimos digitais permitem visualizar de forma clara e intuitiva a quantidade e as condições de pagamento finais de um determinado empréstimo.

Graças a este tipo de plataformas online, o requerente pode simular os empréstimos de acordo com o seu perfil e necessidades específicas , e escolher aquele que ofereça condições ótimas. Entre as informações que estes simuladores fornecem incluem-se o prazo de reembolso, o montante das prestações, as comissões e juros, e outras condições particulares do serviço, permitindo compará-las com as de outros empréstimos.

Além disso, o estas plataformas facilitam a venda cruzada e a contratação de outros produtos relacionados, como um seguro de proteção de pagamentos incorporado.

Em conclusão, os serviços em torno do open banking melhoraram significativamente o desempenho das operações bancárias e a sua diversidade. Graças a isso, os utilizadores dispõem de um maior conhecimento e capacidade de gestão financeira. Se deseja obter mais detalhes sobre como pode aproveitar o open banking, convidamo-lo a contactar-nos para apresentar um caso de uso aplicado à sua empresa.

Inscreva-se em nossa newsletter e receba nossas últimas notícias diretamente na sua caixa de entrada.